Opinários via tablets e smartphones

Listagem dos serviços no respectivo dia
Plug-in jQuery Mobile DateBox
Clientes que farão o passeio (que o motorista/guia selecionou anteriormente)
O usuário confirma
Opinário - melhor visualizado no iPad
Outros recursos do Opinário
Opinários preenchidos são lacrados e ficam desabilitados
Ícone personalizado na interface do iOS - funciona também em algumas versões do Android

Desafio
A agência preocupa-se com as opiniões dos seus clientes, coletando informações através dos opinários.
Inicialmente eram feitos em papel, gerando uma quantidade enorme de material que precisava ser tratado, além dos custos de impressão.
Todos os dias chegam centenas de questionários preenchidos, contendo depoimentos e dicas preciosas, sob a ótica do cliente.
Uma funcionária dedicava horas do seu expediente na árdua tarefa de os classificar (separar por data, passeio, guia, motorista e veículo), alimentar o sistema, montar e analisar os relatórios.
Esse processo de cadastro dos opinários era extremamente exaustivo, porém imprescindível. Passeios são criados, guias/motoristas são contratados ou desligados, novos roteiros são formados, veículos sofrem melhorias e tantas outras decisões.
Foi quando optamos por implementar o opinário de forma digital e preenchido via tablet (ou smartphone), de modo que os questionários fossem incorporados diretamente na nossa base de dados.

Nativo x genérico
Inicialmente dediquei esforços para implementar de forma nativa no iOS (iPad, iPhone, iPod Touch), até para possivelmente utilizar recursos do próprio aparelho como a câmera, microfone etc.
Porém necessitávamos adquirir dezenas de dispositivos e distribuí-los nos vários veículos que estariam circulando simultaneamente, passando de mão em mão. Foi quando surgiu a situação de comprarmos gadgets baratos e resistentes.
O iPad ainda não é uma alternativa econômica - embora eu acredite que ele se pague em médio prazo. Mas a implementação que eu havia concebido, exclusiva para rodar em iOS, não seria viável nesse novo cenário.
Outros dispositivos seriam comprados e certamente eles não rodariam o sistema da Apple.
Reescrever em versões nativas para iOS e Android demandariam muito mais tempo e o sistema era relativamente simples, consequentemente não justificava tal esforço.

Tecnologia
Foi quando optei pelo framework jQuey Mobile - uma biblioteca que transforma o layout dos  páginas numa interface muito próxima ao de uma aplicação nativa. É a junção do HTML5 + CSS3 + Ajax, proporcionando um visual muito atraente, com uma estética que aproxima muito ao de uma App. E o melhor: o mesmo software roda praticamente idêntico em iOS, Android, Blackberry, Symbian, Windows Phone, Kindle, Palm WebOS etc.
http://jquerymobile.com/
jQuery Mobile usufrui dos novos tipos de campos do HTML5 (tel, email, number), bem como o uso de temas, plugins, geolocalização e recursos multimídia.
Novas tags ajudam a "maquiar" o aplicativo, ocultando a barra de navegação, controlando a orientação do dispositivo (viewport) e acabamentos especiais como ícones de acesso e telas de abertura (apple-touch-icon e apple-touch-startup-image).

Instalamos nos carros roteadores Wireless que suportam modens 3G, alimentados por uma fonte ligada ao acendedor de cigarros do veículo, que transforma a corrente contínua em alternada.
Dessa forma compartilhamos o mesmo acesso a internet com vários dispositivos, sem a necessidade de contratar planos de internet individuais.

Futuro
Já detectei alguns problemas de sinal em lugares remotos (mesmo operando com a Vivo, que possui a melhor cobertura, ao menos aqui no Rio Grade do Sul). Portanto admito que uma versão offline do opinário se faz necessária em breve.
Já experimentei alguns recursos do HTML5 como o cache de páginas (.manifest) e o armazenamento de dados offline (localStorage, IndexedDB e WebDB).